new icn messageflickr-free-ic3d pan white
Graúna (Gnorimopsar chopi) | by okbmarcus
Back to photostream

Graúna (Gnorimopsar chopi)

Comprimento: 21,5 a 25,5 cm. Excluindo-se a Amazônia, onde está presente apenas no leste do Pará e Maranhão, é encontrado em todo o restante do País. Encontrado também no Peru, Bolívia, Paraguai, Argentina e Uruguai. É comum em áreas agrícolas, buritizais, pinheirais, pastagens e áreas pantanosas. Sua presença está associada a palmeiras. Vive normalmente em pequenos grupos que fazem bastante barulho. Pousa no chão ou em árvores sombreadas.

 

Faz ninho em árvores ocas, troncos de palmeiras, ninhos de pica-pau, em mourões, dentro do penacho de coqueiros e nas densas copas dos pinheiros, utilizando também ninhos abandonados de joão-de-barro. Ocupa buracos também em barrancos e cupinzeiros terrestres. Às vezes faz um ninho aberto, situado em uma forquilha de um galho distante do tronco, em uma árvore densa e alta. Conhecido também como pássaro-preto, chupão (Mato Grosso), arranca-milho, chopim e graúna (derivado do tupi "guira-una" = ave preta).

 

Fonte: Brasil 500 Pássaros

 

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

Distribuição: Praticamente todo o Brasil, exceto a região amazônica.

 

Postura: Média 4 ovos.

 

Habitat: Pastos, plantações (especialmente de milho e arroz), campos.

 

Incubação: 14 dias.

 

Fêmeas e jovens: Não há dimorfismo sexual, pois machos e fêmeas cantam. Os jovens são como os adultos.

 

Comportamento e reprodução: Não há relatos de reprodução em cativeiro. Há dificuldades na formação do casal. As tentativas de reprodução deveriam ser feitas em viveiros de 1 m de largura X 2 m de altura X 3 m de profundidade.

 

Outras Formas: No Nordeste ocorre a Graúna (Gnorimopsar chopi sulcirostris), bem maior que o Pássaro Preto. Devido ao nome chopi, presente na identificação científica, essa espécie recebe erroneamente o nome de Chopim ou Gaudério é da espécie Molothrus bonariensis: o macho é azul escuro de tonalidade metálica, e a fêmea é marrom bem escuro.

 

Tipo de ninho: Aninha em buracos de árvores.

 

Fonte: Wikipédia

 

 

Fotografia feita em Salvador com a Canon EOS Rebel XS 1000D, mais a lente Canon EF-S 18-55mm f 3.5-5.6 IS.

2,268 views
1 fave
4 comments
Taken on September 14, 2008