new icn messageflickr-free-ic3d pan white
Mariquita  ( Setophaga pitiayumi )   Tropical Parula | by Marcus Vinicius Lameiras
Back to photostream

Mariquita ( Setophaga pitiayumi ) Tropical Parula

Foto: Parque Estadual do Grajaú (RJ)

 

Características

 

Apresenta um comprimento de 10 centimetros e um peso de 7,5 gramas. O colorido é espetacular, pelo contraste entre o amarelo vivo da região ventral (alaranjado no peito e cinza azulado das costas). A área ao redor dos olhos é negra e chama a atenção, bem como as duas faixas brancas nas asas e o branco nas penas externas da cauda. No meio das costas apresenta uma área amarelada, visível somente sob excelente iluminação e quando a ave apresenta esse local em suas cambalhotas na busca de alimentação.

Apesar das cores, pode passar despercebida no meio das galhadas altas. O seu canto, uma seqüência rápida de notas agudas aceleradas no meio e reunidas para terminar em notas mais espaçadas. Serve como contato para os membros do casal.

 

Alimentação

 

Alimentando-se de insetos, pequenas aranhas e lagartas, obtidos em flores e, às vezes, diretamente em vôo. A mariquita consegue também se aproveitar da excreção adocicada de pulgões, pairando no ar para lambê-la.

 

Reprodução

 

Seu período reprodutivo inicia-se em agosto e tem seu término em novembro. O ninho é uma cestinha aberta, colocada no interior da vegetação densa, no alto das árvores, ou então, em tranças pendentes de barba-de-velho (Tillandsia usneoides). Os ovos são branco-amarelados com pouco salpicos roxos que medem 19 x 13 mm.

 

Hábitos

 

Habitando a copa das árvores mais altas da mata seca e cerradões, ocasionalmente desce a estratos mais baixos nas regiões de borda e clareiras. Evita planícies úmidas, sendo que em regiões de maior umidade é encontrada principalmente em áreas montanhosas.

Vive em casais ou solitária, acompanhando bandos mistos na copa ou caçando por conta própria. É de comportamento bastante inquieto e canta incansavelmente, inclusive nas horas mais quentes do dia.

Distribuição Geográfica

 

Presente do Piauí, Maranhão, Goiás e Mato Grosso, em direção sul, até o Rio Grande do Sul e também em regiões periféricas da Amazônia, no Estado de Roraima e em áreas montanhosas do Amapá. Encontrada também do sul dos Estados Unidos (Texas) à Bolívia, Paraguai, Argentina e Uruguai.

 

Fonte: Wikiaves

 

1,906 views
7 faves
12 comments
Taken on September 18, 2011