new icn messageflickr-free-ic3d pan white
Pica-pau-do-campo (female) / Campo Flicker  / Campo Flicker  - Colaptes campestris campestroides (Malherbe, 1849) | by Alessandra Fr.
Back to photostream

Pica-pau-do-campo (female) / Campo Flicker / Campo Flicker - Colaptes campestris campestroides (Malherbe, 1849)

O pica-pau-do-campo (Colaptes campestris) é um grande pica-pau sul-americano, campestre e terrícola. Também é conhecido como chã-chã.

Seu nome científico significa: do (grego) kolaptë, kolaptö = bico em forma de cinzel, bicada; e do (latim) campestris, campester = relativo ao campo ou as planícies, campestre. ⇒ Ave campestre com bico de cinzel.

Possuindo 32 centímetros, essa espécie é facilmente identificável por conta da sua coloração; tem os lados da cabeça e do pescoço amarelos, assim como o peito, o alto da cabeça e a nuca são negros, da mesma forma que o bico e os tarsos, manto e barriga barrados e o baixo dorso é visivelmente branco ao voo.

O macho apresenta em ambos os lados da cabeça duas faixas avermelhadas (DEVELEY & ENDRIGO, 2004).

 

Subespécies:

Possui duas subespécies reconhecidas que se distinguem pela cor da garganta.

 

Colaptes campestris campestris (Vieillot, 1818) - ocorre do Sul do Suriname até o Leste do Brasil, na Bolívia, na região central do Paraguai e em Missiones na Argentina; Esta espécie possui a garganta na cor negra.

Colaptes campestris campestroides (Malherbe, 1849) - ocorre do Sul do Paraguai até o Sudeste do Brasil, no Uruguai e no Centro da Argentina. Esta espécie possui a garganta na cor branca.

 

Distribuição Geográfica:

Colaptes campestris ocorre desde o nordeste do Brasil ao Uruguai, podendo ser avistado também no Paraguai, na Bolívia, na Argentina e no baixo Amazonas, inclusive no Suriname. Invade a Amazônia vindo do sul, estendendo seu domínio no Brasil oriental, em função dos desmatamentos.

No Brasil, a subespécie C. campestris campestris ocorre do nordeste ao norte de Santa Catarina, onde ocorrem ambas as subespécies. Da região central de SC ao Rio Grande do Sul ocorre somente C. campestris campestroides (de garganta branca).

Fonte: Wiki Aves.

791 views
8 faves
0 comments
Taken on September 15, 2012